A respiração é uma ação que acontece sem termos de pensar nela. Mesmo assim, ela pode sofrer influência das emoções. O ser humano nasce respirando de forma correta inspirando pelas narinas, enchendo os pulmões e liberando oxigênio para nutrir as células do corpo mas a exigência de uma vida mais agitada e estressada vai modificando esse padrão.

ansiedade, por exemplo, provoca uma respiração superficial, com um padrão ruim, em que há aumento da frequência, mas não da profundidade. E isso pode se tornar algo automático e perene, modificando o tônus muscular da cadeia respiratória.

respiracao-ansiedade

Por isso, os métodos de controle da respiração podem ajudar a monitorar e regular as inalações e exalações, contribuindo diretamente com a saúde. Veja as vantagens de respirar corretamente para todo seu corpo:

1. CONTROLE DA ANSIEDADE

Em um estado de ansiedade, a respiração fica mais acelerada ativando o sistema nervoso simpático, responsável por várias reações do corpo ao estresse. A ansiedade aumenta a frequência respiratória, eleva a frequência cardíaca e produz mais adrenalina.

O sistema nervoso autônomo é dividido em parassimpático e simpático, que atuam de forma antagônica: enquanto um é responsável pelo estado de alerta (simpático), o outro oferece uma sensação calma (parassimpático). A respiração profunda e lenta possibilita diminuir a frequência cardíaca e a liberação de adrenalina, acalmando o simpático e elevando o parassimpático, promovendo um estado de equilíbrio no organismo.

2. ALÍVIO DO ESTRESSE

Um estudo realizado em 2016, na Universidade Técnica de Munique, conduzido por Anselm Doll mostrou que o foco atencional alivia o estresse e as emoções negativas, ativando o córtex pré-frontal. Essa ativação ocorre em áreas cerebrais relacionadas com a sensação de bem-estar, criando novas conexões e garantindo melhor controle, por isso concentrar a atenção na respiração pode favorecer o alívio de situações estressoras e emoções negativas.

3. MELHORA DA INSÔNIA

A dificuldade em pegar no sono nada mais é que o reflexo de uma mente acelerada, em estado de estresse e ansiedade. Em 2015, Cheryl Yang e sua equipe da Universidade Nacional Yang-Ming, em Taiwan, confirmaram que 20 minutos de exercícios de respiração lenta (seis ciclos de respiração por minuto) antes de dormir melhora significativamente o sono.

4. REDUÇÃO DA PRESSÃO ARTERIAL

Se o sistema nervoso simpático estiver ativado, ele eleva a produção de adrenalina que reduz o nível do calibre dos vasos arteriais, fazendo com que a pressão arterial aumente. Por isso, pessoas com hipertensão que meditam ou apostam em técnicas de relaxamento e respiração tendem a conseguir controlar melhor a pressão arterial.

5. DIMINUIÇÃO DE DORES LOMBARES

A respiração mais curta tensiona o diafragma, que tem inserções na coluna lombar. Aliviar essas tensões pode reduzir uma eventual dor lombar. Além disso, a própria tensão psicológica gera um tônus muscular geral no corpo muito maior do que o necessário, o que também pode gerar mais desconfortos lombares.

6. SENSAÇÃO DE BEM-ESTAR

Uma respiração tranquila consegue elevar a atividade do nervo vago, que está relacionado ao sistema nervoso parassimpático. Ao estimular esse nervo o ritmo cardíaco e a pressão arterial diminuem, os músculos relaxam e,este conjunto de ações promove uma sensação de tranquilidade. Estando mais calma, a pessoa pode tomar decisões mais assertivas e agir com mais atenção e precisão.

TREINANDO A RESPIRAÇÃO 

Para reaprender a respirar de forma tranquila e correta, é válido apostar em práticas que acalmem e sirvam de válvulas de escape ao estresse. As atividades físicas são muito conhecidas por seus mecanismos ansiolíticos e antiestresse, além disso, praticar ioga e meditação podem ser relevantes para uma receita de saúde física e mental.

A respiração lenta e controlada é muito usada por praticantes de ioga e de meditação para promover estados mentais calmantes e contemplativos. São técnicas usadas clinicamente para suprimir o excesso de estresse, até para certos tipos de ataques de pânico. Assim, o treinamento respiratório deve ser restrito aos momentos da aula/terapia, que deve ser frequente até que o novo padrão seja incorporado e automatizado.

PARA EXERCITAR EM CASA

Confira três técnicas de respiração simples para fazer:

  1. Deitado, coloque as mãos no abdômen, na altura do umbigo e respire um pouco mais profundamente, sentindo que o abdômen move as mãos, soltando o ar devagar. Repita cerca de dez vezes e volte a respirar livremente;
  2. Sentado de forma confortável e com a coluna ereta, realize inspirações profundas seguidas de expirações profundas, totalizando 10 respirações seguidas de ritmo respiratório normal;
  3. Sentado de forma confortável, respire pelas duas narinas, mantendo a palma da mão esquerda relaxada no colo, e deixando a mão direita para abrir e fechar as narinas. Coloque o indicador e dedo médio entre as sobrancelhas, quando for respirar, feche a narina direita e solte pela esquerda; depois puxe pela esquerda, e solta pela direita, intercalando sempre. Repita oito vezes.

Autora: Simone Cunha

Fontes: Paulo José Zimermann Teixeira, pneumologista da SBPT (Sociedade Brasileira de Pneumologia e Tisiologia) e professor da UFCSPA (Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre); Elisa Kozasa, pesquisadora do Instituto do Cérebro da Sociedade Beneficente Israelita Brasileira Albert Einstein, de São Paulo; Danielle Bedin, pneumologista no Hospital Beneficência Portuguesa e doutora em pneumologia pela Unifesp (Universidade Federal de São Paulo); Danilo Santaella, educador físico, doutor em pneumologia e coordenador do setor de ensino e pesquisa do CEPEUSP (Centro de Práticas Esportivas da Universidade de São Paulo).

Últimas Postagens

5 Benefícios da Prática de Dança e Meditação pela Manhã

5 Benefícios da Prática de Dança e Meditação pela Manhã

A prática de atividade física e meditação em qualquer momento do dia é fundamental. Porém, hoje vamos falar especificamente dos benefícios matinais, para inspirar as pessoas que possuem somente esse período do dia para prática dessas duas atividades. As...

Empatia: um verdadeiro se doar

Empatia: um verdadeiro se doar

É importante salientar que existe uma grande diferença entre ser empático e ser simpático. Com origem no termo em grego empatheia, que significava “paixão” a palavra empatia esta ocupando um lugar considerável no vocabulário cotidiano das pessoas. Nota-se que diante...

Aromaterapia – Conheça seus benefícios

Aromaterapia – Conheça seus benefícios

A aromaterapia é um ramo da fitoterapia cujos tratamentos são baseados nos efeitos causados por aromas no organismo das pessoas. Os materiais componentes da técnica são voláteis de plantas, também conhecidos como óleos essenciais, que já tiveram resultados...

O Pilates como Prática Complementar Integrativa do SUS

O Pilates como Prática Complementar Integrativa do SUS

O Pilates é um método de educação corporal amplamente difundido pelo mundo. grande parte da população, se ainda não praticou, pelo menos já escutou falar sobre os benefícios proporcionados pela prática regular desta atividade. atualmente, em...

Como desenvolver a inteligência emocional?

Como desenvolver a inteligência emocional?

Como desenvolver a inteligência emocional de maneira prática? Tenho algumas dicas que podem te ajudar a aplicar na sua vida, tanto para situações pessoais como profissionais! No dia a dia deparamos com problemas que mexem com nosso psicológico, muitas...

Pin It on Pinterest

× WhatsApp