Responsabilidade, compromissos, prazos são temas que diariamente ocupam nossa mente e, muitas vezes, levam a sensações bastante conhecidas de exaustão e estresse. Quando falta descanso e tranquilidade, nosso corpo tende a reagir ficado mais vulnerável a doenças. Se não paramos por bem, paramos por mal.

Para não chegar a esse ponto, mudanças na rotina são essenciais. Uma sugestões para ouvir o que o corpo tem a dizer e para respeitar o tempo das coisas é a prática milenar chamada Tai Chi Chuan.

Tai chi chuan

O que é?

Esta arte marcial foi criada há mais de mil anos na China e, de acordo com a Sociedade Brasileira de Tai Chi Chuan e Cultura Oriental, serve como um Sistema Integral de Saúde. É uma prática feita em silêncio, que une meditação a movimentos lentos da arte marcial que dão vazão ao fluxo de energia do corpo – o que estimula a consciência corporal, a concentração e a tranquilidade.

Embasado nos princípios filosóficos do taoísmo e da alquimia chinesa, o Tai Chi Chuan é representado pelo símbolo do Yin e Yang – um conceito que demonstra duas forças fundamentais e opostas que se complementam e geram a energia vital de todos os seres vivos. O Tai Chi Chuan consiste na busca pelo equilíbrio entre os dois.

Os estudos da medicina tradicional chinesa revelam que o Tai Chi Chuan ajuda as pessoas a se conectarem com uma fonte efetiva de energia que existe dentro do interior de cada um. Os chineses nomeiam como Dantian Médio, a região do corpo onde essa força está localizada – que fica, anatomicamente, no abdômen, tendo como referência o umbigo.

Principais fundamentos

O Tai Chi Chuan é uma prática que pode ser feita por qualquer pessoa, inclusive idosos. Ele se adapta e respeita os limites de cada um, sendo norteado por quatro regras mais importantes: Vazio, Quietude, Mergulho e Moleza.

  • O Vazio indica que é absolutamente necessário esvaziar a mente de pensamentos
  • A Quietude significa o silêncio ou a calma que são imprescindíveis para poder realizar os exercícios
  • O Mergulho é a concentração que o exercício requer para manutenção de força na mente
  • A Moleza representa a leveza que o corpo deve buscar para liberar a tensão dos músculos durante os exercícios

Benefícios

Os benefícios do Tai Chi Chuan são inúmeros, já que ele tem ação sobre o sistema nervoso central, digestivo, circulatório, endócrino, respiratório e imunológico. Não à toa, sua prática costuma ser associada à longevidade em alguns países, principalmente nos orientais.

Outros benefícios

  • Aumenta a disposição e energia
  • Fortalece os músculos
  • Alivia o estresse e ajuda no combate da depressão
  • Melhora o equilíbrio
  • Aumenta a concentração
  • Melhora a flexibilidade das articulações
  • Equilibra as emoções
  • Fortalece o sistema esquelético

Por esses motivos ele é usado na medicina oriental para o tratamento de reumatismos, artroses, burcites, artrites e no equilíbrio da pressão arterial. Quando bem internalizada, a prática do Tai Chi Chuan ajuda no processo de desenvolvimento do melhor potencial que cada um tem para dar. É uma arte que incentiva a calma mental, o equilíbrio e o bom relacionamento social.

Escrito Por: GIULIA EBOHON
Fonte: Vix

×
Olá, tudo bem? Como posso lhe ajudar?

Pin It on Pinterest